A Voz da Poesia
Biblioteca da Literatura Popular (Cordel)
Capa Meu Diário Textos Áudios E-books Fotos Perfil Livros à Venda Prêmios Livro de Visitas Contato Links
Áudios
O SORRISO DE DEUS
Data: 21/07/2007
Créditos:
Texto: \"O sorriso de Deus\"
Voz: Poeta José Bezerra
Edição de som: Welington junior
Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
O SORRISO DE DEUS
Vi o mundo sem graça
Ouvi dores e gemidos
Os fortes abater aos fracos
Outros perderam os sentidos
Sem fé e sem esperança
E quase todos perdidos

E meio ao desespero
O povo sem religião
E os falsos profetas
Aumentarem a confusão
Os que neles acreditam
Cresce mais a exploração

O crime e a perversidade
Causando medo e pavor
A justiça é um fracasso
De Deus perderam o temor
Esqueceram os mandamentos
De um Deus que é amor

Em todas as nações
Os pequenos são pisados
Cresceu a corrupção
Não há honra e nem honrados
Os pequenos sem defesa
São presos como culpados

Vejo as leis dos homens
Gerando a escravidão
Quanto mais se criam leis
Mais aumenta a confusão
Pra rico não há sentença
O pobre não tem perdão

No rosto que havia dor
Brotou um novo sorriso
O fraco tornou-se forte
O forte ficar indeciso
Para os humildes abriram-se
As portas do paraíso

Eu vi os grandes chorando
E vi os fracos sorrindo
Nos desertos fontes d’aguas
Os campos eu vi florindo
Os pequenos eu vi crescer
Eu vi os grandes caindo

Muitos foram os perdidos
Devido aos crimes seus
Isto de todas as nações
Italianos e Judeus
Gregos e Samaritanos
Milionários e Plebeus

Os orgulhosos humilhados
Os exaltados caindo
Humildes sendo elevados
Para o reino iam subindo
Dos Céus abriram-se as portas
E Deus estava sorrindo

Eu vi os anjos celestes
Unidos aos povos seus
Entoaram cantos e hinos
Em festas de jubileus
Em cada rosto que olhava
Vi o sorriso de DEUS
Enviado por Zé Bezerra o Águia de Prata em 03/07/2007
Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Comentários